crianças
preparadas
para a vida.

ATIVIDADES

Brincar dentro da sala

Cada criança pode seguir e realizar suas ideias e impulsos na brincadeira. Usando materiais disponíveis na sala como panos, bonecas, blocos, cestos, sementes, conchas, bichos de tricô, bolas de crochê, entre outros. A fantasia das crianças encontra espaço para florescer. Elas brincam, criam juntas e aprendem a resolver conflitos que fazem parte do processo de socialização.

“Se a criança é capaz de se entregar por inteiro ao mundo ao seu redor em sua brincadeira, então em sua vida adulta será capaz de se dedicar com confiança e força a serviço do mundo.”

Rudolf Steiner

Roda rítmica

Cantigas, rimas e versos acompanhados de gestos, são vivenciados em forma de roda. Cada época do ano recebe uma roda rítmica, assim as crianças acompanham o ritmo anual das estações e das festas e se orientam nesse grande ciclo.

Lanche

Fazemos nossa refeição em uma grande mesa, com todos reunidos. A cada dia da semana um novo alimento é preparado com a participação das crianças. O cardápio é balanceado e diversificado e os ingredientes são em sua grande maioria orgânicos. Iniciamos o lanche com um verso de agradecimento e finalizamos com a arrumação do espaço. As crianças ajudam a lavar louça, limpar a mesa, varrer o chão.

Brincar fora

Mais uma vez as crianças podem dar asas à criatividade e aproveitar nosso espaço externo tão rico, cheio de natureza. As possibilidades são inúmeras: fazer bolos de areia, se balançar, escorregar, procurar pinhas embaixo das árvores, varrer folhas, ouvir os pássaros, regar a horta, plantar, correr, brincar com água, subir em árvores, colher e saborear frutas da época e cuidar de nossas galinhas. As crianças aproveitam e aprendem muito em meio a tanta natureza.

História

Em um ambiente carinhosamente preparado, a professora narra uma história rítmica ou um conto maravilhoso (conto de fadas) e as crianças escutam atentamente e podem imaginar e sonhar.

O ritmo semanal é marcado ainda por atividades como a aquarela, o desenho, o dia do pão e trabalhos manuais.

Nos momentos de expansão, as crianças seguem seus impulsos criativos na brincadeira livre. Esse tempo de brincadeira se intercala com momentos de concentração e calma onde as crianças vivenciam socialmente o grupo unido em uma atividade, por exemplo, no lanche, na roda rítmica, na história, no preparo do pão ou em atividades artísticas. 

“Se a criança é capaz de se entregar por inteiro ao mundo ao seu redor em sua brincadeira, então em sua vida adulta será capaz de se dedicar com confiança e força a serviço do mundo.”

Rudolf Steiner

(43) 3321-2125

pedagogiawaldorflondrina@gmail.com

Privacy Settings
We use cookies to enhance your experience while using our website. If you are using our Services via a browser you can restrict, block or remove cookies through your web browser settings. We also use content and scripts from third parties that may use tracking technologies. You can selectively provide your consent below to allow such third party embeds. For complete information about the cookies we use, data we collect and how we process them, please check our Privacy Policy
Youtube
Consent to display content from Youtube
Vimeo
Consent to display content from Vimeo
Google Maps
Consent to display content from Google
MANDAR UM WHATSAPP